sexta-feira, 18 de junho de 2010

A Alemanha não é de nada...

... nem a Espanha, nem a Itália, nem a Inglaterra...

Todos os olhos estarão voltados, nessa Copa, para Brasil e Argentina.

Nenhuma outra seleção tem capacidade técnica e mental para superar as duas maiores forças do futebol sul-americano e, convenhamos, mundial.

Apesar do futebolzinho palmeirense do Brasil no primeiro jogo, todos nós sabemos muito bem do potencial da seleção brasileira. E todos nós sabemos que ela joga de acordo com o adversário (lembra dos 4x1 ou 4x0, sei lá, que enfiamos guela abaixo da Argentina, lá na casa deles?).
Ninguém pode com a gente, falo isso desde muito antes da Copa do Mundo, apesar da desconfiança e blábláblows de todo mundo.

Nem o tal do Messi está jogando tão bem quanto Robinho. O nome dessa Copa vai ser o nosso ex-triatleta (lembram da comparação? "Pedala, corre e NADA!!"), que assumiu o posto de alma da seleção brasileira e, desde que voltou ao Santos, brincando e se divertindo, além de jogar um bolão, ganhou minha simpatia - coisa que nunca teve antes.

O hexacampeonato é só uma questão de tempo. Acredito que depois do jogo da Alemanhazinha contra os Petkovic-eanos todos nós sabemos disso. Ou você acha mesmo que a defesa da Argentina é capaz de segurar o ataque amarelinho?! Vai nessa...

4 comentários:

Murdock disse...

Acho engraçado dizerem que o Brasil não tem chance na Copa e eu pergunto então quem tem? A Espanha mostrou que não tem tudo na quarta, hoje foi a Alemanha. E aí? Quem está com tudo nessa Copa?

Fico feliz de saber que tem mais gente torcendo mesmo pelo Brasil!

Anna Flávia disse...

Eu super achei que a Alemanha, depois daquele primeiro jogo, seria uma ameaça. Mas cadê?

Dá-lhe Brasil!!

jefhcardoso disse...

A Argentina com sua defesa não vai muito longe. Em relação ao Brasil, torço, torço sempre.
Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com

Lulu on the Sky® disse...

Não pode contar com o ovo antes de ser botado não é mesmo? Bem feito.. Só to com medo da Argentina...