segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Rita Lee, Twitter, Globo e Futebol.

Estou há algum tempo sumida daqui, meu time está tão mal que até perdi a graça (momentaneamente, espero) de escrever sobre futebol.

Mas hoje venho aqui pra falar de algo que me deixou pensativa, e muito triste. Fiquei sabendo agora que a Rita Lee deixou o Twitter, depois de uma reportagem veiculada pelo Fantástico. Fui procurar saber o que era, e vi que a polêmica foi causada pelo quadro “Repórter Por Um Dia“, feito com o Dentinho, jogador do Corinthians. O motivo da reportagem era mostrar o bairro onde será construído o Fielzão, novo estádio do time, entrevistar moradores e torcedores. No meio de tantos elogios, resolveram atacar. “Nem todo mundo gostou. Não é, Rita Lee?’ E mostraram uma mensagem publicada no Twitter pela cantora, onde ela comentava sobre o roubo de dinheiro usado para a construção do estádio.

Logo após a veiculação do quadro, Rita Lee apareceu novamente no Twitter, para dizer que estava sendo ameaçada por torcedores corinthianos. Hoje de manhã ela anunciou sua saída do micro blogger, dizendo estar temendo verdadeiramente por sua segurança e de seus familiares.

Aqui entra a minha indignação. Primeiro com a Globo, que teve a nítida intenção de depreciar a imagem da cantora. (O que não é nenhuma novidade, vide o recente caso Dunga). Segundo, com os torcedores. Fico chateada demais de ver que certas coisas nunca mudam. Que a idéia que alguns torcedores têm acerca do futebol é completamente diferente do ideal. Transferem o amor e paixão pelo time para o ódio ao rival ou àqueles que não concordam com eles.

Quero deixar bem claro aqui que não estou falando especificamente da torcida do Corinthians. Este caso aconteceu com eles, mas tenho certeza que se fosse com qualquer outro clube, a reação seria a mesma. Deixo claro também que não sei se Rita Lee foi feliz ou infeliz com a mensagem publicada. Enquanto não houver provas, não devemos acusar nada nem ninguém de roubo (mas todo mundo sabe que em toda obra deste porte há desvio de dinheiro, seja em SP, Rio, Minas e qualquer outro lugar do país!). Mas acho que nada justifica uma pessoa fazer ameaças a outra.

Independente de quem sejam os agressores e agredidos, o futebol (e o esporte em geral) deveria ser um entretenimento, capaz de gerar alegrias, tristezas, decepções e comemorações. Qualquer coisa além disso é mudar o significado da palavra ‘esporte‘, e se torna extremamente prejudicial.

"... ninguém recusa nada da globo, ela tem o poder d um cesar q decide jogar escravos numa arena c/ leões." Rita Lee.

4 comentários:

Anna Flávia disse...

Indignação igual a tua! Absurdo demais!

Post preciso!

Beijo!

Saulo disse...

Vi a matéria no fantástico e não achei que era pra tanto, a torcida do corinthians que causou toda essa polêmica nada ver.

Lulu on the Sky® disse...

Lamentável a saída dela.

Talita disse...

A cada dia que passa mais eu me irrito com o poder da TV Globo.