segunda-feira, 18 de julho de 2011

Os dois lados da moeda na Série D

A estreia dos times baianos na Série D, foi quase boa. Quase por que o Primeiro Passo, ou Vitória da Conquista como queiram, não venceu o Treze, lá em Campina Grande.

O placar para o Galo, foi de 2 a 0. A única alegria da Bahia na competição, ficou à cargo do atual campeão estadual, que teve que remontar o elenco, já que perdeu os excelentes Jair, Diones e João Neto para o xará da capital e Bruninho, para o Cruzeiro.

O Tremendão fez uma boa primeira partida, diante do sergipano River Plate e venceu o adversário pelo placar mínimo.

Agora o Tricolor de Feira, está em segundo no Grupo A4, com 3 pontos, mas perde no saldo de gols para os trezeanos, por um tento.

A partida no Jóia da Princesa, foi marcada pela postura agressiva do esquema de Arnaldo Lyra, porém, o gol saiu cedo demais, aos 10 do primeiro tempo. Isso fez com que o time baiano puxasse o freio de mão.

Ainda assim, o Bahia buscou ampliar o marcador e esbarrou na precipitação e na intervenção precisa do goleiro do River Plate.

A próxima rodada será domingo, em Conquista, onde as duas principais forças do interior nos últimos dois anos, medem o poder de fogo, ou de reação, no Brasileiro.

Enquanto Isso, na Série A...

Quatro partidas sem vencer, sendo dois empates e duas derrotas. Assim está a campanha do Bahia, na Primeira Divisão.

Ontem até pressionou o Cruzeiro, mas não soube converter o domínio na segunda etapa, em gols.

O técnico Renê Simões, afirmou que o time precisa abandonar o estigma de campeão moral, que vem adquirindo nos últimos confrontos. O time vem atuando bem, até de forma surpreendente em alguns jogos, mas não vence.

Para o jogo contra o Coritiba, domingo, em Pituaçu, Renê não terá o lateral-direito Jancarlos, suspenso com o terceiro amarelo.

Porém, terá a volta do volante Marcone e, se o seu nome for publicado no BID da CBF, o também volante Fabinho.

Pelo seu twitter, o presidente Marcelo Guimarães Filho anunciou a contratação de Reinaldo, ex-atacante do Figueirense. O contrato contudo, somente será assinado, se o jogador for aprovado na avaliação médica, quando desembarcar em Salvador.

2 comentários:

Anna Flávia disse...

O Vitória da Conquista mudou de nome também?


Aqui em Pernambuco, o Santa também começou bem. :)


E rapaz, o que aconteceu com o Bahia? Era a sensação do campeonato! :(

Beijo!

Nildo Requião disse...

Não, Anna! Na verdade o nome Vitória da Conquista, foi dado pela imprensa. O verdadeiro nome do time é Esporte Clube Primeiro Passo.
É uma referência ao projeto social do seu fundador, ex-jogador profissional e presidente Ederlane Amorim.
E obrigado pelo beijo! :)